BULGÁRIA, ROMÊNIA, TRANSILVÂNIA


SETEMBRO, 2018


BULGÁRIA 1 LEVA [LEÃO] = 2,30 REAIS


ROMÊNIA 1 LEU [LEIS] = +OU- 1,00 REAL


HUNGRIA 1,00 REAL = 322 FLORINS


BULGÁRIA: É UM PAÍS POBRE PREOCUPADO COM A FUTURA INTEGRAÇÃO ECONÔMICA TENDO O EURO COMO MOEDA DO PAÍS. SOFIA [CAPITAL] É UMA CIDADE SIMPÁTICA, UMA DAS MAIS ANTIGAS, POIS COMEÇOU NO SEC VIII a.C. COMO CIDADE DOS TRÁCIOS CHAMADA DE SARDICA DEPOIS FOI POSSESSÃO DE ALEXANDRE O GRANDE, E FOI CONQUISTADA PELOS ROMANOS NO ANO 29, INVADIDA PELOS BÚLGAROS EM 809. FORAM 2 IMPÉRIOS BÚLGAROS O 1º DE 632 A 1108, QUANDO FOI DOMINADO PELO IMPÉRIO BIZANTINO, O 2º FOI ESTABELECIDO EM 1185 ATÉ SER CONQUISTADO PELOS OTOMANOS EM 1396 OU 1422 QUE TRANSFORMAM SOFIA NUMA CIDADE OTOMANA COM MUITAS MESQUITAS, FONTES E BANHOS. A CIDADE EM 1376 COMEÇOU A SER CHAMADA DE SOFIA [MOTIVADO POR UMA CRISTÃ QUE TEVE AS 3 FILHAS SACRIFICADAS PELO IMPERADOR ADRIANO]; EM 1878 FOI CONQUISTADA PELOS RUSSOS, E TORNA-SE INDEPENDENTE COMO CAPITAL DA BULGÁRIA EM 1879, COM UMA MONARQUIA BÚLGARA COM O CZAR ALEXANDRE I DE BATTENBERG QUE REMODELA A CIDADE COM O AUXILIO DE ARQUITETOS DO IMPÉRIO AUSTRO HÚNGARO QUE DESENHARAM OS MAIS IMPORTANTES EDIFÍCIOS PÚBLICOS E CASAS PARA A ELITE DO PAIS. FOI ALIADA DA ALEMANHA NA 2ª GUERRA MUNDIAL ATÉ SER CONQUISTADA PELOS RUSSOS EM 1944, PASSANDO PARA O LADO ALIADO. FICOU SOB DOMÍNIO DA RÚSSIA ATÉ 1989, RECEBENDO MUITAS CONSTRUÇÕES NO HORRÍVEL ESTILO RUSSO REVOLUCIONÁRIO, A CIDADE COM MAIS DE 7.000 ANOS DE HISTÓRIA NÃO TEM NADA QUE SE DESTAQUE ALÉM DAS CONSTRUÇÕES QUE SÃO DE VARIADOS ESTILOS: NEO CLÁSSICO, GÓTICO, BARROCO E ATÉ ART-NOUVEAU E A IGREJA DE SÃO JORGE [INICIADA PELO IMPERADOR CONSTANTINO, O GRANDE], A MESQUITA DE BANYA BASHI E A SINAGOGA DE SOFIA QUE É A MAIOR EM TODO OS BALCÃS. FOMOS PARA PLODVID COM UMA MISTURA DE RUINAS ROMANAS, CASAS MEDIEVAIS E EDIFÍCIOS DO SEC XVII. FOMOS PARA VELIKO TARVOVO QUE FOI A CAPITAL NO TEMPO DO 2º IMPÉRIO BÚLGARO, QUE POSSUE A FORMIDÁVEL FORTALEZA MEDIEVAL DE TSAREVET [ABAIXO]



ROMÊNIA: O NOME DERIVA DE ROMANUS  QUE SIGNIFICA CIDADÃO DE ROMA E TEM MUITAS PALAVRAS QUE SE PRONUNCIAM EXATAMENTE COMO O PORTUGUÊS E O MAIS SURPREENDENTE É A FACILIDADE QUE TEMOS DE LER O QUE ESCREVEM, POIS A ORIGEM COMUM, NOSSA E DELES, COM O LATIM FACILITA AS COISAS. TEM REGISTRO DE OCUPAÇÃO PELO HOMO SAPIENS DESDE 40.000 aC. OS MAIS ANTIGOS VESTÍGIOS DA EUROPA. FORAM DOMINADOS PELOS ROMANOS POR 165 ANOS; NA IDADE MÉDIA HAVIA 3 PRINCIPADOS: MOLDÁVIA, VALÁQUIA E TRANSILVÂNIA.



EM 1541 OS OTOMANOS DOMINARAM TODA A REGIÃO DEIXANDO AUTONOMIA INTERNA PARA OS PRINCIPADOS, DURANTE A GUERRA RUSSO-TURCA [1877-1878] OS PRINCIPADOS LUTARAM COMO ALIADOS DOS RUSSOS E NO FIM DA GUERRA O PAIS FOI RECONHECIDO COMO ESTADO SOBERANO PELOS OTOMANOS E POTENCIAS EUROPEIAS COMO O REINO DA ROMÊNIA COM ESTABILIDADE ATE 1914, DEPOIS UMA SERIE DE CONFLITOS ABALOU A REGIÃO. NA 2ª GUERRA SE ALIOU À ALEMANHA DEPOIS EM 1944 MUDOU DE POSIÇÃO COM UM GOLPE DO REI MIGUEL, ATUALMENTE TEM MAIS DE 20 MILHÕES DE HABITANTES [7ª POPULAÇÃO EUROPEIA] SUA ORIGEM VEM DA DÁCIA, PROVÍNCIA DO IMPÉRIO ROMANO. EM 1859 OS PRINCIPADOS DA MOLDÁVIA E DA VALÁQUIA SE UNEM E EM 1877 SE LIBERTAM DOS OTOMANOS, DEPOIS DA 1ª GUERRA MUNDIAL A TRANSILVÂNIA, BUCOVINA E BESSÁRABIA SE UNEM AO INDEPENDENTE REINO DA ROMÊNIA. DEPOIS DA 2ª GUERRA MUNDIAL OS RUSSOS ASSUMEM O PAÍS, POREM COM O GOVERNO DE NICOLAE CEAUCESCU EM 1965 COMEÇA UM REGIME BEM MAIS INDEPENDENTE DA RÚSSIA, POIS NÃO INVADEM A TCHECOSLOVÁQUIA, MANTEM RELAÇÕES DIPLOMÁTICAS COM ISRAEL E ESTABELECEM RELAÇÕES DIPLOMÁTICAS COM A ALEMANHA OCIDENTAL ATE A LIBERTAÇÃO EM 1989 E RELAÇÕES COM OS ÁRABES. CHEGAMOS EM BUCARESTE CAPITAL DA ROMÊNIA [ESCREVEM E FALAM BUCUREST] QUE É UMA TREMENDA SURPRESA PELA QUALIDADE DE SEU URBANISMO COM AVENIDAS LARGAS RETAS E COM BULEVARES COM ARVORES NO ESTILO DE PARIS, FIQUEI IMPACTADO. É MA CIDADE NOVA QUE É CITADA PELA 1ª VEZ EM 1459, A ARQUITETURA DA CIDADE TEM UM COQUETEL DE ESTILOS DO NEOCLÁSSICO ART-DECO, E OS HORRÍVEIS PRÉDIOS COMUNISTAS. VISITAMOS O ENORME PARLAMENTO:




O Palácio do Parlamento (em romeno: Palatul Parlamentului), localizado em Bucareste, na Roménia, é um edifício com múltiplas funções onde estão instaladas ambas as câmaras do Parlamento Romeno. Com 350.000 m² é o maior palácio do mundo e o segundo maior edifício, após o Pentágono. O palácio foi originalmente encomendado e desenhado, no final da década de 1970, pelo regime comunista do ditador Nicolae Ceausescu para ser a sede de todo o poder político e administrativo na Roménia. O seu arquiteto chefe foi Anca Petrescu. A construção teve inicio em 1980 e durou até 1989, quando Ceausescu foi deposto. Até então, menos de 80% do edifício havia sido construído, mas a obra foi interrompida por ser muito onerosa para os cofres públicos romenos. Nicolae Ceausescu chamou-lhe Casa da República (Casa Republicii), mas muitos romenos chamaram-lhe Casa do Povo (Casa Poporului). De acordo com o Livro Guinness dos Recordes, o palácio é o maior edifício administrativo civil do mundo (O Pentágono é o maior em termos absolutos), o edifício administrativo mais caro e o edifício mais pesado.


VISITAMOS O PALÁCIO DE CEAUSCESCU, QUE É UMA CASA GRANDE COM UMA DECORAÇÃO NOUVEAU-RICHE QUE BEIRA O RIDÍCULO DESTACANDO OS BANHEIROS FEMININOS COM LOUÇAS COR DE ROSA E OUTROS K’TAIS




FOMOS PARA SINAIA COM VISITA AO CASTELO DE PELES, RESIDÊNCIA DOS REIS ROMENOS: PARTICULARIDADE A PRINCESA HERDEIRA DO TRONO ROMENO, HRH MARGARETA É 5ªNETA DE NOSSO PEDRO I



QUE É DE UM GOSTO OVER MUITO DUVIDOSO QUE LEMBRA NO EXTERIOR O CASTELO DA CINDERELA DA DISNEY E DENTRO O APARTAMENTO DO TRUMP NO TRUMP TOWER, BEIRANDO O RIDÍCULO COM TUDO O QUE SE POSSA IMAGINAR JUNTO PARA DAR A IMPRESSÃO DE RIQUEZA E PODER.


DEPOIS BRASOV CIDADE FUNDADA PELOS CAVALEIROS TEUTÔNICOS NO SEC. XIII COMO CENTRO SAXÃO DA TRANSILVÂNIA COM CONSTRUÇÕES MEDIEVAIS MUITO BEM PRESERVADAS E A FAMOSA IGREJA NEGRA [APÓS INCÊNDIO NA CIDADE QUE CHAMUSCOU SUAS PAREDES] É CONSIDERADA O MELHOR EXEMPLO DE ESTILO GÓTICO NA ROMÊNIA:



DEPOIS FOMOS PARA BRAN ONDE ESTA O CASTELO DE DRACULA QUE ERA UMA DAS GRANDES EXPECTATIVAS DA VIAGEM PARA MIM



O primeiro documento que menciona o Castelo de Bran é um ato emitido por Luís I da Hungria, datado de 19 de Novembro de 1377, pelo qual o rei concedia aos saxões de Kronstadt (Brasov) o privilégio de construir a cidadela de pedra; a instalação de Bran começou a desenvolver-se na vizinhança. O castelo começou por ser usado na defesa contra o Império Otomano em 1378, e mais tarde tornou-se um posto aduaneiro no passo de montanha entre a Transilvânia e a Valáquia. O castelo pertenceu, por um curto período, a Mircea I da Valáquia. O príncipe Vlad Tepes, apelidado de "o Empalador", que serviu como inspiração histórica para o personagem principal do romance Drácula, do escritor irlandêsBram Stoker, utilizou em várias ocasiões este castelo com fins militares durante o seu reinado, no século XV. Acredita-se que Vlad Tepes tenha passado dias fechado nas masmorras enquanto os otomanos controlavam a Transilvânia. A associação a este governante, aliada às suas torres pontiagudas e à sua localização remota, tem rendido fama ao castelo, uma vez que o local constitui um cenário perfeito para um filme de terror. A partir de 1920, o castelo tornou-se numa residência real do Reino da Roménia. Foi a residência principal da Rainha Maria da Roménia, sendo amplamente decorado com artefatos da sua época, incluindo mobiliário tradicional e tapeçarias que ela colecionou para destacar o artesanato e as habilidades romenas. À sua morte, ocorrida em 1938, o castelo foi herdado pela sua filha, a Princesa Ileana da Roménia. Em 1948, já depois do final da Segunda Guerra Mundial e da expulsão da família real da Casa de Hohenzollern-Sigmaringen, o castelo foi ocupado e nacionalizado pelo regime comunista, tendo sido transformado em museu. Em 2009, passou a ser propriedade dos herdeiros da casa real do país, Dominc, Maria Magdalena e Elisabeth. Em 2014, o castelo-fortaleza está à venda por 58 milhões de euros.


FOMOS PARA A CATEDRAL EVANGÉLICA DE SIBIU, NA TRANSILVÂNIA, ONDE ESTÁ COMPROVADAMENTE ENTERRADO MIHNEA, FILHO DO CONDE DRACULA É A 1ª LAPIDE VERTICAL À ESQUERDA [MARCA PRETA, PEQUENA] SENDO QUE É A MAIS SIMPLES DE TODAS COM AS INSCRIÇÕES QUASE APAGADAS




 


FOMOS PARA BIERTAN:



ONDE SE VISITA UMA IGREJA FORTIFICADA 



MUITO BEM CONSERVADA, É CONSIDERADA A MAIOR IGREJA FORTIFICADA DO SEC. XVI ERA PARA RESISTIR AOS ATAQUES TÁRTAROS E OTOMANOS QUE INFERNIZAVAM TODA ESSA REGIÃO DA EUROPA. DEPOIS SIGHISOARA:



UM MARAVILHOSA CIDADE MEDIEVAL DO SEC XII, QUE É PATRIMONIO MUNDIAL PELA UNESCO, CONSERVADÍSSIMA E COM UM SKYLINE VISTO DA JANELA DO MEU HOTEL QUE LEMBRAVA UM CENARIO DE CINEMA COM AS VARIAS TORRES AFILADAS EM DIREÇÃO AO CEU. É A CIDADE ONDE NASCEU O CONDE VLAD QUE INSPIROU BRAM STOKER A ESCREVER O LIVRO DRÁCULA, VIMOS A FACHADA DA CASA, [É A CASA BRANCA À DIREITA NA FOTO].



DEPOIS PARA TARGU MURES COM CASAS ESTILO ART-NOUVEAU E COM A MAIOR CATEDRAL ORTODOXA DA ROMENIA



DEPOIS PARA CUJ-NAPOC COM A BELA IGREJA DE SÃO MIGUEL



DEPOIS PARA TURDA PARA VISITAR A MINA DE SAL



LAGO A 120m DE PROFUNDIDADE ONDE DESCI POR ELEVADOR



DEPOIS PARA ORADEA:



COM SUA CATEDRAL: A MAIOR IGREJA BARROCA DA ROMENIA



UM OUTRO DESTAQUE FOI A CIDADELA DE RÄSNOV, O GRANDE IMPACTO DA VIAGEM AO NOS DAR A REAL SITUAÇÃO DE UM BURGO MEDIEVAL ENCARAPITADO NUMA ELEVAÇÃO E PODENDO SER ASSALTADO A QUALQUER MOMENTO, NELA SE VIVENCIA TODA A DIFICULDADE E POBREZA DE RECURSOS QUE TINHA A VIDA NAQUELA ÉPOCA COM CONDIÇÕES DE HIGIENE E ALIMENTAÇÃO EXTREMAMENTE PRECÁRIAS E UMA LIMITAÇÃO DE PERSPECTIVAS DE VIDA QUE PRATICAMENTE LEMBRA UM GALINHEIRO POIS NASCIAM, SOFRIAM E MORRIAM. PORÉM É UMA PENA QUE A ROMÊNIA ESTEJA TÃO DESPREPARADA PARA O TURISMO, E NAO CUIDE COM ATENÇÃO DESTA CIDADELA COM TREMENDO POTENCIAL TURISTICO, POIS A PRECARIEDADE DOS ACESSOS E CIRCULAÇÕES QUE, ALÉM DE PERIGOSOS, TAMBÉM TEM UMA SUJEIRA ASSUSTADORA QUE TIRA UM POUCO DA MAGIA DA EXPERIENCIA.


 



 


CONSIDERAÇÕES:


1] ESSA PARTE DO LESTE EUROPEU [CÁRPATOS] É BEM MAIS ATRASADA NA ESTRUTURA PARA TURISMO QUE OS VIZINHOS DOS BALCÃS ACIMA. OS GUIAS AINDA NO ESTÁGIO DE PELOTÃO MILITAR NA VELOCIDADE COM QUE DERRAMAM AS INFORMAÇÕES E CORREM PELAS RUAS MEDIEVAIS DE PISO ACIDENTADO E ÍNGREMES SEM DAR TEMPO PARA SE VIVENCIAR O QUE SE VÊ. FOI UMA VIAGEM CANSATIVA PELA RAPIDEZ QUE O PROGRAMA ELABORADO EXIGIA PARA O CONHECIMENTO DOS LUGARES DISTANTES ENTRE SI ANDANDO POR ESTRADAS DE MEDIANAS PARA RUINS COM MUITAS INTERRUPÇÕES PARA CONSERTO. ACHEI MUITO INTERESSANTE, ABRANGENTE E COMPLETA A SELEÇÃO DOS LUGARES ESCOLHIDOS, POIS NOS DERAM UMA VISÃO AMPLA E ESPECIFICA DE VÁRIOS ITENS MEDIEVAIS QUE PASSAM PERFEITAMENTE A SENSAÇÃO DE PERIGO CONTINUO DESSES POVOS PERMANENTE AMEAÇADOS POR HORDAS INIMIGAS, TÁRTAROS, MONGÓIS, OTOMANOS, ÁUSTRIA, RÚSSIA QUE OS DEIXARAM AO LONGO DOS SÉCULOS EM PERMANENTE ESTADO DE DEFESA E TENSÃO, SORTE NOSSA DE TER NASCIDO NO BRASIL, APESAR DE TUDO. POREM NÃO É UM ITINERÁRIO QUE SE FAZ COM CONFORTO E TRANQUILIDADE, POIS TUDO QUE SE VISITA É DIFÍCIL PELO PISO ACIDENTADO, PELAS RAMPAS E ACESSOS QUE EXIGEM PREPARO FÍSICO E BOM FOLEGO


2] UMA COISA A DESTACAR NA ROMENIA É A QUANTIDADE DE UNIVERSIDADES, TANTO NA CAPITAL COMO NAS CIDADES DO INTERIOR E, MAIS AINDA, CONFORME INFORMA UMA PRIMA QUE MORA NA ITÁLIA OS JOVENS ITALIANOS PROCURAM MUITO O ENSINO UNIVERSITÁRIO NA ROMENIA, PELA ALTA QUALIDADE E O BAIXO CUSTO


RESUMO: ACHO QUE É UMA VIAGEM PARA QUEM JÁ CONHECE MUITO E COMO VIAJANTE GOSTA DE ADICIONAR LUGARES NOVOS E MAIS REMOTOS AO SEU CURRÍCULO.


3] A VIAGEM PELA ALITÁLIA FOI UMA EXCELENTE SURPRESA E SUPEROU AS EXPECTATIVAS, POIS O SERVIÇO DE BORDO BASTANTE SIMPLES NO QUE OFERECE [NÃO HÁ UÍSQUE NEM CONHAQUE, POREM O CAMPARI SPRITZ É DELICIOSO] TEM NA COMIDA UM PONTO FORTE, TANTO NA IDA COMO NA VOLTA ESTAVA FARTA E SABOROSA E TINHA UM VINHO TINTO DA CALÁBRIA SAFRA 2015, QUE ESTAVA EXCELENTE E O PESSOAL É MUITO ATENCIOSO. O SISTEMA ESPINHA DE PEIXE DÁ TOTAL PRIVACIDADE E LIBERDADE PARA DORMIR, POIS NÃO TEM NINGUÉM AO LADO PARA INCOMODAR.
















 
Os textos desse site podem ser reproduzidos, desde que se informe o autor e o endereço do site.
 
Genealogia e Historia = Autor Anibal de Almeida Fernandes