Barão de DORES de GUAXUPÉ


Decreto Registrado no Livro XII, Pag. 121, Seção Histórica do Arquivo Nacional.

 Autor: Aníbal de Almeida Fernandes, 8º neto de André do Valle Ribeiro, Setembro, 2010.

Manuel Joaquim Ribeiro do Valle, Barão de Dores de Guaxupé a 3/8/1889. Era Tenente-Coronel de Guarda Nacional. O Barão nascido a 22/4/1821 na Freguesia de Madre de Deus de São João d’El Rei, MG, faleceu a 15/7/1893 em Muzambinho, MG, onde era fazendeiro. Membro da importante família Ribeiro do Valle de abastados proprietários rurais, da chamada aristocracia rural cafeeira, estabelecida em Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.

O Barão de Dores de Guaxupé é trineto do Patriarca da Família Ribeiro do Valle, André do Valle Ribeiro, 8º avô de Anibal, nascido em 1675, Valongo, Porto, Portugal, e falecido em 1721 em São João d’El Rei, onde fez parte da Câmara Municipal em 1719, e que foi casado com Tereza de Moraes nascida em São Paulo.

Livro de batismos de Valongo 1651/1686 fls. 70v. Igreja Matriz de São Mamede

Andre Filho de D.os Fr.co E de sua m.er Mª do Vale nasceo aos 24 de majo era 1675. E foi baptizado aos 27 do ditto mes forão Padrinhos D.os Frz. o novo de Suzão E Mª solrª fª de Andre Ribrº. Eu João Marques o baptizei dia E era ut s. João Marques.

André do Valle Ribeiro e Tereza de Moraes são pais de: Antonio do Valle

Ribeiro (1713-1763) casado, a 13/6/1739 na capela de São Miguel do Cajurú, com Rosa Maria de Jesus, (1717-1782), com quem teve 13 filhos:

1] Felipe, 2] José, 3] Antonio, 4] Maria Tereza, 5] Manoel,

6] João, fazendeiro em Vassouras, RJ, onde seu filho Domingos Antonio, fazendeiro em Rezende, intermediou a compra da fazenda Flores do Paraíso, em Rio das Flores, para Domingos Custódio Guimarães, Visconde do Rio Preto, esta fazenda hoje está nas mãos de descendentes de Antonio Belfort de Arantes, 1º Barão de Cabo Verde a 15/7/1881.

7] Inácia, 8] Maria, 9] Ana, 10] Cecília, 11] Aleixo,

12] Felisberto (n. 1753 e f. a 23/11/1793 em Madre de Deus, Andrelândia, MG, c.c., Ana Custódia, f. em Andrelândia, 6ºs avós de Anibal

Ana Custódia é filha de Domingos da Costa Guimarães, que nasceu e foi batizado na Freguesia de Santa Eulália de Formentões Termo da Vila de Guimarães, Arcebispado de Braga. Era filho de Bento Ribeiro e Domingas da Costa. Ainda na primeira metade do século XVIII veio para o Brasil, e se fixou em São João Del Rei onde deixou geração.

13] Joaquim José (1751-1814) que é avô do Barão de Dores de Guaxupé.

O Barão de Dores de Guaxupé tem entre seus filhos Joaquim Augusto, Conde Romano de Ribeiro do Valle, no séc. XX, cujo Brasão ilustra este trabalho, c.c. Genoveva Junqueira.

Brasão de Joaquim Augusto Ribeiro do Valle, Conde Romano de Ribeiro do Valle


 

Fontes pesquisadas para estruturara este trabalho:

Anuário Genealógico Brasileiro, IGB, 1º Anno.

Titulares do Império, Carlos Rheingantz, 1960.

Dicionário das Famílias Brasileiras, Cunha Bueno/Carlos Eduardo Barata, Brasília, 2000.

A Família Arantes, Américo Arantes Pereira, Legis Summa, Ribeirão Preto, 1993.

Testamento de Ana Inácia, 1ª Baronesa de Cajurú, Livro 2, Fl. 42v, 1º Cartório de Andrelândia, MG.

Os Ribeiro do Valle, José Ribeiro do Valle, pgs: 10, 11, 12, 57.

Frederico de Barros Brotero, no livro da Família Junqueira, pg. 257, informa sobre a família, Ribeiro do Vale, tendo origem em Francisco Ribeiro Salgado c.c. Maria Angélica do Valle, o que está totalmente errado.
 
Os textos desse site podem ser reproduzidos, desde que se informe o autor e o endereço do site.
 
Genealogia e Historia = Autor Anibal de Almeida Fernandes